Anfac comenta decisão do Copom

A decisão do Copom em reduzir 500 pontos base a taxa Selic de 11,00% para 10,50% consagrou a expectativa já esperada pelo mercado financeiro.

É a quarta redução verificada a partir de julho de 2011, de 12,50% para 10,50%.

A atual conjuntura econômica brasileira apresenta-se favorável com uma política monetária bem executada pelo Banco Central.

Os efeitos da medida ora adotada acarretarão uma redução nos juros que o governo paga pela divida brasileira, a injeção de uma parcela significativa de recursos na cadeia produtiva do país como estímulo apreciável para o crescimento de todas as atividades econômicas.

O setor do fomento mercantil também poderá ser beneficiado com a possibilidade de maior alavancagem para os negócios de sua numerosa clientela composta de mais de 150 mil empresas, pequenas e médias, concorrendo para aumentar, portanto, a sua liquidez, para mitigar os riscos e diminuir o custo de suas operações.

Luiz Lemos Leite, presidente da Anfac