Brasil aproxima Brics da Unasul com reunião de líderes em Brasília

Na reunião dos países dos Brics com chefes de Estado da América do Sul, quem ganhou maior protagonismo foi a presidente da Argentina, Cristina Kirchner, que buscou ajuda do grupo na sua luta contra os fundos abutres. A presidente Dilma Rousseff, segundo fontes oficiais, declarou o seu apoio ao país vizinho e prometeu levar a questão ao encontro de líderes do G-20 na Austrália, em novembro.

“Foi uma reunião excelente. A Argentina recebeu o apoio de todos os países em relação aos fundos abutres”, afirmou Cristina na saída do encontro.

A presidente Argentina foi a Brasília disposta a projetar a sua posição contra os chamados fundos abutres, que ganharam na Justiça americana o direito de receber o valor integral dos títulos da dívida externa do país renegociada na década passada.

Clique aqui para visualizar esta notícia completa.