Começa o XI Congresso Nacional de Fomento Mercantil

Mais de 300 empresários do setor participaram, na noite desta quarta-feira (08), da solenidade de abertura do XI Congresso Nacional de Fomento Mercantil, na cidade mineira de Araxá, região do Circuito das Águas.

O presidente da Associação Nacional das Sociedades de Fomento Mecantil – Factoring (Anfac), Luiz Lemos Leite, enfatizou a importância do atual momento, quando a entidade completa 30 anos de atividades, agradeceu a participação de todos e a união dos profissionais do setor.

Representante do estado anfitrião, o presidente do Sindicfac – MG, Jeferson Terra Passos, agradeceu a escolha de Minas para a comemoração e destacou que o setor tem como premissa a gestão do negócio centrada no ser humano, no desenvolvimento econômico e social.

Em seu discurso, apontou que esses são valores que dão caráter de permanência e continuidade à atividade, além de uma representatividade nacional forte. Entretanto, reforçou que a época exige ousadia e criatividade, mesmo com as restrições e dificuldades enfrentadas, como a alta carga tributária.

“A atividade caminha em direção ao futuro, compromisso partilhado por todos”, finalizou.

O secretário da Fazenda de Minas Gerais, Leonardo Colombini, que representou o governador Antonio Anastasia, lembrou que as pequenas e médias empresas dependem de instituições que favoreçam sua gestão financeira. “O factoring é um forma rápida e desburocratizada de financiamento”, afirmou.

Mesa de abertura – da esquerda para a direita:
Oscarlino Moeller – presidente do Conselho de Ética da Anfac; Alcidésio Maciel, vice-presidente executivo da Anfac;
Luiz Lemos Leite, presidente da Anfac; Jeferson Terra Passos, presidente do Sindisfac – MG; Leonardo Colombini, secretário da Fazenda de Minas Gerais; Jurandir Souza Júnior, desembargador do Tribunal de Justiça do Paraná; Marconi Pereira, 1º vice-presidente da Anfac.