Inadimplncia do consumidor inverter trajetria de elevao em 2012

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplncia do Consumidor recuou 1,9% em novembro de 2011, atingindo o patamar de 100,2pontos. Como pela sua metodologia de construo o indicador tem a propriedade de antever os movimentos cclicos da inadimplncia com seis meses de antecedncia, a sua recente sequncia de quedas sinaliza que o cenrio para a inadimplncia do consumidor em 2012 ser mais favorvel do que o ocorrido no ano passado.

Assim, se em 2011 presenciamos uma contnua deteriorao dos nveis de inadimplemento dos consumidores, em 2012 deveremos notar, inicialmente, estabilizao e, posteriormente, recuo gradual da inadimplncia das pessoas fsicas.

O aumento de 14% do salrio mnimo, a diminuio da inflao, o patamar historicamente baixo das taxas de desemprego, a atual trajetria de reduo das taxas de juros e o crescimento mais moderado do endividamento devero contribuir para melhorar o cenrio para a inadimplncia das pessoas fsicas ao longo de 2012, salientam os economistas da Serasa Experian.

Empresas

O Indicador Serasa Experian de Perspectiva da Inadimplncia das Empresas caiu 1,3% em novembro de 2011, o quarto recuo mensal consecutivo deste indicador, fazendo-o atingir o patamar de 98,3.

As perspectivas de novas redues da taxa Selic, barateando o custo financeiro para as empresas e reativando o dinamismo da economia, amelhora esperada para os nveis de inadimplemento dos consumidores e o impulso extra aos negcios dado pelas eleies municipais deste ano devero contribuir para reverter o atual momento de inadimplncia mais elevada das empresas, observam os economistas da Serasa Experian.

Metodologia dos Indicadores Serasa Experian de Perspectiva

O objetivo dos Indicadores Serasa Experian de Perspectiva antever, num horizonte de seis meses, em que fase do ciclo estaro as seguintes variveis econmicas: (i) atividade econmica, (ii) concesses reais de crdito ao consumidor, (iii) concesses reais de crdito s empresas, (iv) inadimplncia do consumidor e (v) inadimplncia das empresas. Em geral, as variveis econmicas apresentam ciclos compostos por quatro fases distintas: (1) expanso, (2) reverso, (3) crise e (4) recuperao. Os Indicadores Serasa Experian de Perspectiva mostraro, justamente, a posio cclica, para os prximos seis meses, de cada uma destas variveis.

Cada Indicador Serasa Experian de Perspectiva construdo analisando-se o poder explicativo e a antecedncia de explicao de um universo de 325 variveis econmicas e financeiras sobre a varivel-objetivo. Para tanto, todas as 325 variveis “candidatas” bem como a varivel-objetivo foram filtradas usando-se a tcnica de ondaletas, a qual nos permite estudar as relaes entre as variveis “candidatas” a varivel-objetivo em diversas escalas de tempo. Hoje, as ondaletas so adotadas em diversos campos, como a fsica (dinmica molecular, astrofsica, geofsica – previso de terremotos, mecnica quntica), processamento de imagem (anlise de EEG e DNA, clima, reconhecimento da fala e viso artificial) e compresso de dados (o JPEG 2000 utiliza essa tcnica).

No caso, so utilizadas as escalas de tempo compreendidas entre 16 a 32 meses e entre 32 a 64 meses, regies em que se caracterizam os movimentos dos ciclos econmicos.

Para cada escala de tempo foram selecionadas, das 325 variveis “candidatas”, aquelas que antecipam, de forma significativa, a varivel-objetivo entre 6 e 18 meses de antecedncia. Selecionadas as variveis “candidatas”, estas foram agregadas mediante a aplicao de componentes principais, aps terem sido colocadas na mesma fase de 6 meses em relao varivel-objetivo.

O resultado composto, isto , em cada escala de tempo, dos modelos de projeo entre a varivel-objetivo e os componentes principais, colocado em base 100, constitui o Indicador Serasa Experian de Perspectiva.